BONITO / MS

31º

21º

quarta, 18 de outubro de 2017

FUNDAÇÃO NEOTRÓPICA DO BRASIL



A Neotrópica e o Idaterra incentivam a agroecologia nos assentamentos rurais de Bonito

Ministério do Meio Ambiente e Banco Mundial estão financiando as ações de proteção ao Parque Nacional da Serra da Bodoquena.

A Fundação Neotrópica do Brasil e o IDATERRA nos dias 16 e 17 de dezembro de 2003 entregaram aos pequenos produtores dos Assentamentos Santa Lúcia e Guaicurús seis tipos diferentes de sementes para adubação verde (crotalaria, feijão guandu, feijão guandu anão, feijão de porco, milheto, mucuna cinza). Essa ação faz parte do projeto “Ecodesenvolvimento no entorno do Parque Nacional da Serra da Bodoquena” (MMA/PROBIO/CNPq/GEF/BIRD), mais especificamente na atividade de Agroecologia, na qual, temos como principal parceiro o IDATERRA. Dos 36 lotes produtivos no Projeto de Assentamento Santa Lúcia 20 receberam as sementes, já no Guaicurús, 39 famílias estão participando em um total de 128 lotes.

O Projeto de Ecodesenvolvimento no entorno do Parque Nacional da Serra da Bodoquena compreende sete atividades e dezenas de tarefas com os principais atores envolvidos na proteção da única unidade de conservação federal do Mato Grosso do Sul, o Parque Nacional da Serra da Bodoquena.

Dos quatro assentamentos incluídos na zona de amortecimento do Parque Nacional, os de Santa Lúcia e Guaicurus foram os selecionados para participarem da atividade de agroecologia do Plano de Ecodesenvolvimento.

As sementes destinam-se ao plantio e à multiplicação. Como resultado dessa etapa, as famílias envolvidas se comprometem a repassar o dobro da quantidade de sementes recebidas, beneficiando assim outras pessoas, disseminando as sementes de adubos verdes e irradiando a possibilidade de adoção dessa prática nas unidades de produção familiar.

As famílias inicialmente beneficiadas pelo projeto passarão a cultivar as espécies de adubos verdes sob formas de pré-cultivos e/ou consórcios com as demais culturas. Melhorando assim a qualidade do solo e evitando o uso de insumos químicos.

Na próxima etapa serão entregues sementes de milho, arroz, feijão e mudas de espécies nativas para a construção de corredores de vegetação entre os lotes e o Parque Nacional. No Assentamento Santa Lúcia, estes corredores de vegetação darão proteção ao solo que em função da localização e do desflorestamento sofre com os fortes ventos da região, comprometendo o desenvolvimento da agricultura familiar.

O Projeto Ecodesenvolvimento no entorno do Parque Nacional da Serra da Bodoquena terá duração até junho de 2005.

A Neotrópica está a dez anos em Bonito promovendo o desenvolvimento e a conservação da Natureza.

A Fundação Neotrópica do Brasil trabalha há dez anos em Bonito. Nesta década foi possível conhecer a população e sua mistura de raças, paraguaios, índios, gaúchos, mineiros, paulistas....

Suas riquezas naturais desenhadas entre cachoeiras, rios transparentes, grutas e vales. Uma região que apresenta boas condições para ser um modelo de desenvolvimento e conservação da natureza.

O Parque Nacional da Serra da Bodoquena, nos municípios de Bonito, Bodoquena, Jardim e Porto Murtinho é a área focal para a realização deste projeto de desenvolvimento e conservação da natureza.

A Neotrópica tem transformado sonho em ação, o Projeto Ecodesenvolvimento no entorno do Parque Nacional da Serra da Bodoquena com o apoio do MMA/PROBIO/CNPq/GEF/BIRD é uma realidade desde 2002 quando foi elaborado o Plano de Ecodesenvolvimento da região. Este trabalho conta com importantes.parcerias como IBAMA, SEMA/IMAP, IDATERRA, Fundação O Boticário de Proteção à Natureza, Polícia Militar Ambiental, ATRATUR, Associação Brasil Bonito e as prefeituras dos municípios do entorno.

Por meio de uma ampla participação pública foi possível listar diversas ações importante para assegurar a proteção do Parque Nacional e implementar um planejamento para o desenvolvimento dos municípios do entorno. Entre as ações prioritárias do Plano de Ecodesenvolvimento estão:

- Fortalecer as capacidades regionais, por meio de capacitação para a prática do Ecoturismo;
- Apoiar as ações dos serviços públicos de Meio Ambiente;
- Incentivar a criação de áreas protegidas privadas;
- Apoiar o desenvolvimento da agroecologia com pequenos proprietários;
- Incrementar a pesquisa cientifica;
- Criar um Fundo de Ecodesenvolvimento.

A Fundação Neotrópica em parceria com a Promotoria de Justiça de Bonito, IBAMA, SEMA-IMAP, Fundação O Boticário de Proteção à Natureza, Polícia Militar Ambiental e o apoio dos proprietários rurais desenvolve o projeto FORMOSO VIVO, de proteção e recuperação das matas ciliares e Reserva Legal do rio Formoso.

O estabelecimento de corredores entre as reservas legais, as matas ciliares e os últimos fragmentos florestais da Bacia do Formoso é outro importante projeto da Neotrópica com o apoio da Fundação O Boticário de Proteção à Natureza.

As mulheres dos pequenos proprietários no entorno do Parque Nacional da Serra da Bodoquena também contribuirão para discussão da importância do Parque e sua proteção para a manutenção da qualidade de vida da comunidade e dos ambientes da região. O projeto QUALIFICAÇÃO E DIVERSIFICAÇÃO DA PRODUÇÃO DE ALIMENTOS PELAS MULHERES DOS ASSENTAMENTOS RURAIS DE SANTA LÚCIA E GUAICURÚS têm início em 2004 com o apoio do PPP – Programa de Pequenos Projetos, GEF - Fundo para o Meio Ambiente Mundial, PNUD - Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento.

Em 2004 a Neotrópica estará participando do PROGRAMA TRAINEE EM MEIO AMBIENTE da Fundação O Boticário de Proteção à Natureza, que terá como objetivo a capacitação de jovens recém formados para trabalhar no Terceiro Setor.

No mesmo ano contaremos com apoio dos afiliados colaboradores pessoa física e pessoa jurídica que farão parte do Conselho Curador da instituição com a indicação de um representante.

A sede da Neotrópica está localiza no Bairro Recreio em frente a Polícia Florestal, na rua 02 de outubro 165, fone 255 3462.

PARCEIROS: Ministério do Meio Ambiente (MMA), Programa de Conservação e Utilização Sustentável da Diversidade Biológica Brasileira (PROBIO), Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq), Global Environmental Facilities (GEF), Banco Mundial (BIRD), Programa de Pequenos Projetos (PPP), Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Fundação O Boticário de Proteção à Natureza (FBPN), Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis(IBAMA),Secretaria de Meio Ambiente/Instituto de Meio Ambiente Pantanal(SEMA/IMAP),Instituto de Desenvolvimento Agrário, Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural de Mato Grosso do Sul (IDATERRA), Associação de Proprietários de Empreendimentos Turísticos de Bonito e Região (IDATERRA), (Associação Brazil Bonito), (Polícia Militar Ambiental), (Promotoria de Justiça de Bonito), (Prefeitura de Bodoquena, Prefeitura de Bonito, Prefeitura de Jardim, Prefeitura de Porto Murtinho).

Site oficial: www.fundacaoneotropica.org.br

Site desenvolvido por: